Execução de Cheques

Imprimir PDF

Nosso escritório conta com profissionais preparados tanto para fazer notificações extrajudiciais de cobrança de dívidas quanto para executar títulos executivos como cheques sem fundo, duplicatas, aluguéis atrasados, contratos de locação, dentre outros.

A demanda é célere e não há limite de valor. Uma vez intimado acerca da ação judicial, o devedor deverá quitar o débito em 15 dias. Se não o fizer, poderá ter seus bens penhorados. Além disso, terá de pagar multa de 10% e honorários advocatícios a serem fixados pelo Juiz.

A fim de facilitar o pagamento da dívida, a legislação concedeu ao devedor o direito de parcelar o débito, o que sem dúvida facilitou o recebimento pelo credor de quantia que acreditava perdida. Vale anotar que muitas vezes o devedor não paga não porque não quer, mas porque não dispõe de toda quantia devida.

O ideal é credor e devedor manterem diálogo constante com o objetivo de descobrirem as formas possíveis de pagamento do débito, seja a curto, médio ou longo prazo, a fim de se evitar o litígio. Se não conseguirem chegar a um acordo, a alternativa é a Justiça.


Comentários  

 
+1 #1 Alescio Zaneratti Fi 05-03-2013 17:04
Tenho cheques que recebi em meu estabelecimento comercial e que foram devolvidos por insuficiencia de fundos...estes cheques tem mais de 05 anos...2006 e 2007...posso fazer um processo de execução??
Citar